E LEMBRE-SE! ...

... não te esqueças de agradecer ao bom Deus pelo dom maravilhoso da vida! L.s.N.S.J.C.!

terça-feira, 15 de maio de 2012

BODAS de Caná há um ano: os insondáveis desígnios do Senhor


ERA UMA vez um homem que tinha dois filhos. Um foi poeta e o outro ingressou nas legiões romanas. Um dia o pai morreu e sua alma foi salva. Lá lhe foi falado que um de seus filhos, quase dois mil anos passados, até hoje, tinha uma de suas citações lembrada por quase toda a humanidade. Com efeito, centenas de milhões, bilhões de homens e mulheres, ontem, hoje e sempre, repetem as palavras que um dia foram pronunciadas diante de um galileu chamado Jesus por um de seus filhos. Quanta honra, não dá para imaginar quão faceiro ficou o homem ao saber disso. 

Certo tempo depois dessa notícia, o homem ardeu por saber quais palavras seu filho, que foi em vida poeta, divertiu e emocionou tanta gente, havia dito um dia ao Galileu que, de tão marcantes, perpetuaram-se pelos séculos e séculos.  

"É verdade, um de seus filhos, grande poeta que foi, divertiu e emocionou a muitos por conta de seu  invulgar talento com as palavras, mas o fato é que foi em vida apenas um homem comum. Na realidade, quem até hoje comove o mundo com suas palavras foi o seu outro filho, aquele que certa vez ingressou nas legiões romanas e, anos depois, já na patente de centurião,  foi ter com o mestre Jesus em busca de alívio e cura a um de seus empregados, a quem muito estimava. Jesus quis ir até a casa do centurião, mas este lhe disse assim: 'Senhor, eu não sou digno de que entreis em minha casa, mas dizei uma palavra e meu empregado será curado'. Diante das palavras daquele oficial romano, um pagão, o Senhor Jesus comoveu-se com tamanha fé, e o empregado do centurião ficou curado naquela mesma hora". 

 Toda a estória para dizer como são insondáveis os designios do Senhor Deus. Não julguemos, não julguemos naquele sentido de 'condenar', pois o Senhor conhece o coração de cada um de nós, ciente de tudo, de todos os 'porquês' e circunstâncias. As aparências muitas vezes nos enganam; a Deus jamais.
(BODAS de Caná em 15maio2011)
 
Salve Maria!
 
Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Esteja à vontade!