E LEMBRE-SE! ...

... não te esqueças de agradecer ao bom Deus pelo dom maravilhoso da vida! L.s.N.S.J.C.!

sexta-feira, 26 de agosto de 2011

A CANANEIA sem nome e sem rosto

por João Carlos Pereira,
 jcparis@orm.com.br


FOI UMA amiga querida, a professora Maria Lenora Menezes de Brito, quem me chamou atenção para a figura feminina que, há alguns dias, apareceu na leitura do santo evangelho proposta pela Igreja para reflexão na Santa Missa de domingo. Ela não teve seu nome registrado, mas sua conversa com Jesus foi de tal modo importante que há dois mil anos ecoa pelo mundo inteiro. 

A mulher cananéia não pertencia ao grupo de pessoas a que Jesus estava habituado. Mas ela chegou, cheia de humildade e de fé,  pedindo ajuda d'Aquele Homem para seus filhos.  Contra toda a tradição, se aproximou de Jesus e, sem saber, em nome de toda a humanidade, com respeito e confiança, disse ao Mestre que Ele estava ali para todos - para os cachorrinhos, que também se alimentam do que cai da mesa (dos judeus) - e não apenas para o povo escolhido. Essa mulher, sem rosto e sem nome, tocou o coração de Jesus e conseguiu d'Ele aquilo de que precisava. Foi uma interlocutora cheia de fé e de coragem. Talvez, sem saber, tenha cumprido a Palavra "não tenham medo". Não enfrentou Jesus porque não era o caso, mas conversou com Ele e mostrou-Lhe posições sobre as quais, na condição de verdadeiro homem, refletiu. 

Para o mundo moderno - e para todos os tempos - fica a lição de que se pode conversar com Jesus para solução dos problemas. Livre da humanidade, mas tendo vivido na carne essa difícil experiência de existir, agora verdadeiro Deus, continua a ouvir nossa palavra e nossa ponderação. Não precisa de convencimento e tampouco padece de surdez para que a Ele nos dirijamos aos berros ou fiquemos chateando horas e horas com a mesma ladainha. O Senhor nos ouve antes que pronunciemos qualquer palavra. Basta estar em sintonia com Ele para que a comunicação se faça. A mulher cananéia nos mostrou que isso é verdade. (Voz de Nazaré, ed. 473, Belém, PA, Brasil)

"AMAI-VOS uns aos outros como eu vos tenho amado."

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Esteja à vontade!